Terceiro Aniversario do Portal CEMSD e Disponibilização de Novos Conteúdos

O Centro de Estudos da Mina de São Domingos (CEMSD) celebra hoje, 11 de agosto o 3° aniversário do lançamento do seu portal na Internet.
Foi um dia histórico essa tarde no Musical com a participação de muitas dezenas de pessoas que com a sua presença sublinharam a importância e o interesse pela preservação da nossa memória coletiva.
Ao longo destes três anos foram muitas as manifestações de interesse e de carinho pelo  trabalho desenvolvido, bem como a participação de muitas famílias que com o seu testemunho e espólio documental têm vindo a dar uma contribuição insubstituível. Durante este período, o nosso portal teve mais de 2 milhões de acessos, provenientes de 20 países, de que se destacam, para além de Portugal, a França, Holanda e Alemanha, os destinos mais frequentes dos emigrantes da Mina, mas também de outros mais distantes como os E.U.A., Austrália ou Singapura.
O CEMSD neste período foi consolidando e alargando o número de registos pessoais e se em agosto de 2018 tínhamos aproximadamente 4000, atualmente este número ascende a mais de 10.000 registos, de pessoas que viveram nas Freguesias da Corte do Pinto e Santana de Cambas ou que de alguma forma se relacionaram com a Mina de S. Domingos. Um feito de que muito nos orgulhamos e que já teve o merecido reconhecimento público, quer em Portugal onde tem sido uma preciosa fonte de consulta para vários autores, quer em Espanha onde já fomos convidados a mostrar o nosso trabalho e que serve já de inspiração para projetos semelhantes em curso naquele país.
Durante estes três últimos anos, também as fontes de pesquisa foram alargadas, tendo sido consultados mais de duas dezenas de arquivos dispersos pelo País e pelo estrangeiro dos quais destacamos, como exemplo os arquivos da Torre do Tombo, da Biblioteca Nacional ou do Sindicato Nacional dos Operários Mineiros e Ofícios Correlativos do Distrito de Beja.
Mas nem só de pessoas se faz a História e a Mina de São Domingos não é exceção. Durante a exploração mineira foram construídos edifícios, infraestruturas e criadas várias instituições, alguns deles já desaparecidos, quer ligados ao processo de exploração e transformação quer para os mais variados fins sociais, desde o apoio médico sanitário, sindical, lúdico, etc... e cuja existência e objetivos se vão desvanecendo na memória de todos nós.
Para responder a essa necessidade de preservação desta parte da nossa memória como povo e para celebrar o 3º aniversário do portal passa a estar disponível on-line e à semelhança dos conteúdos já existentes, dois novos módulos de informação.
Assim e enquadrados no tema “Património”, onde já se encontrava disponível um módulo dedicado ao material circulante do antigo caminho de ferro da Mina de São Domingos, acrescentamos agora os módulos "Edifícios e Infraestruturas" e "Instituições" que poderão consultar comodamente, fruto de três anos de trabalho de investigação e que agora vê a luz do dia podendo ser consultado paralelamente com a consolidação do núcleo central do portal dedicado às “Gentes”.
Temos consciência da complexidade deste trabalho que humildemente dia após dia vamos enriquecendo assim como das muitas oportunidades de melhoria e desafios futuros.
Aproveitamos para mais uma vez agradecer a todos os que nos têm apoiado e nos têm cedido informação que em muito tem enriquecido o projeto e pedimos a todos que dentro das suas possibilidades e recursos o divulguem.
Continuaremos o nosso caminho porque a nossa história coletiva e os nossos antepassados assim o merecem.